A Meta desenvolveu um sistema de inteligência artificial que pode escanear o cérebro humano e replicar rapidamente as imagens que uma pessoa tem em mente em milissegundos. Veja também: Inteligência artificial levanta medos: Estudo mostra quais são os problemas Nova tecnologia da Meta, entre a utopia e a distopia A Meta, empresa controladora do Facebook

A Meta desenvolveu um sistema de inteligência artificial que pode escanear o cérebro humano e replicar rapidamente as imagens que uma pessoa tem em mente em milissegundos.

Nova tecnologia da Meta, entre a utopia e a distopia

A Meta, empresa controladora do Facebook e do Instagram, revelou uma tecnologia revolucionária de leitura de mentes que pode decodificar instantaneamente representações visuais do cérebro em imagens reais.

Em um novo estudo intitulado “Decodificando o Cérebro: Rumo à Decodificação em Tempo Real de Imagens da Atividade Cerebral”, a equipe Meta descreve como o sistema de IA pode replicar imagens com precisão de milissegundos por meio de uma técnica de neuroimagem não invasiva na qual milhares de medições do cérebro atividade.

O sistema de IA é capaz de decifrar representações visuais no cérebro usando sinais de magnetoencefalografia (MEG).

MEG é uma técnica de neuroimagem não invasiva que mede os campos magnéticos produzidos pela atividade neural no cérebro.

“Usando a magnetoencefalografia (MEG), apresentamos um sistema de IA capaz de decifrar o desenvolvimento de representações visuais no cérebro com resolução temporal sem precedentes”, afirmam os pesquisadores do Meta.

Os pesquisadores usaram modelos de aprendizagem profunda para alinhar sinais MEG com representações de imagens pré-treinadas, permitindo-lhes identificar imagens correspondentes da atividade cerebral.

O processo resultante permite a reconstrução de imagens a partir de sinais MEG, alimentando-os em modelos generativos de IA.

“No geral, esses resultados representam um passo importante em direção à decodificação em tempo real dos processos visuais que ocorrem continuamente no cérebro humano”, afirma a equipe de pesquisa da Meta em seu estudo.

As imagens geradas pelo sistema de IA não são réplicas perfeitas. No entanto, as imagens reconstruídas mantêm muitas das características originais, como categorias de objetos, mesmo que as imagens geradas não sejam precisas.

Acredita-se que o sistema de IA da Meta pode ser bom para a medicina

Além disso, de acordo com a AI Business, os pesquisadores do Meta alcançaram o objetivo principal: gerar um fluxo contínuo de imagens decodificadas da atividade cerebral em tempo real.

AI Business relata que os pesquisadores acreditam que o sistema de IA pode ser benéfico na área médica, especialmente onde certos indivíduos perderam a capacidade de se comunicar verbalmente.

Poderia ser usado para ajudar pacientes cujos danos cerebrais tornam a comunicação difícil ou impossível, algo que exige velocidade mais do que qualquer outra coisa.

Atualizado em by Liticoin.com
Registro Rápido

Olymp Trade oferece Forex e negociação por tempo fixo. Conta Demo com $10.000 em fundos virtuais.

100%
Pontuação de Confiança

Ganhe $10.000 Virtuais Ilimitados! Depósito Inicial Não é Necessário.

icon Saiba Mais! icon Saiba Mais!
Pontuação de Confiança
icon Saiba Mais! icon Saiba Mais!
Pontuação de Confiança
icon Saiba Mais! icon Saiba Mais!
Risco de Perda de Capital
Pontuação de Confiança
A Meta desenvolveu um sistema de inteligência artificial que pode escanear o cérebro humano e replicar rapidamente as imagens que uma pessoa tem em mente em milissegundos. Veja também: Inteligência artificial levanta medos: Estudo mostra quais são os problemas Nova tecnologia da Meta, entre a utopia e a distopia A Meta, empresa controladora do Facebook
banner image